Efusiva é um selo fonográfico feminista do Rio de Janeiro. Contato: efusiva.diy@gmail.com

  • Preto Ícone Bandcamp
  • Preto Ícone SoundCloud
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone YouTube

Fazer música foi a maneira que Lizz Mariano e Mara Chantre encontraram para se livrar da calmaria de Japeri, município localizado na Baixada Fluminense do Rio de Janeiro. Inspiradas em um projeto de amigos próximos, o Elva Urf, o casal criou a banda V Suzanne por volta de 2004. Além de Lizz e Mara, a V Suzanne contava com outros dois integrantes mas, apesar dos inúmeros ensaios nos quais o grupo se debruçou, a banda não chegou a fazer nenhum show e logo entrou em hiato. Tempos depois, a V Suzanne chegou a se reunir em outras formações, contando com integrantes como Jacqueline Manifeste e Cris Urf, contudo, seja por rumos distintos que cada um precisa trilhar - ou ainda por alguma traquinagem de deusas moiras - o projeto foi descontinuado.

Sem qualquer embargo, Mara e Lizz nunca deixaram de fazer música e, por potência, ou contumácia, decidiram criar a Bochechas Margarinas em 2015. O novo projeto que, inicialmente era constituído apenas pelas duas, surpreendeu em suas primeiras apresentações e garantiu apreço e entusiasmo da cena underground do Rio de Janeiro por executar um som vibrante e simples, com referências que vão de Kim Deal, Kim Gordon, REM e Joy Division, a Paulinho Moska e Cássia Eller. Atualmente, a Bochechas Margarinas se conjuga não mais por duas pessoas. Jacqueline Manifeste chegou, ou retornou, para construir junto a Lizz e Mara em um trio que se alicerça principalmente no prazer que é tocar entre amigas. Assim, o resultado desse encontro é: Lizz Mariano e Mara Chantre: vocal, guitarra e baixo; e Jacqueline Manifeste: bateria e percussão.